segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

R.L. BURNSIDE - * 23/11/1926 † 01/09/2005


Robert Lee Burnside nasceu próximo da cidade Oxford, no estado do Mississippi, em 23 de Novembro de 1926. Inspirado pelo êxito nos anos 50 de "Boogie Chillun" (John Lee Hooker), começou a cantar e a tocar guitarra, também graças a outras influências como Muddy Waters, Lightnin’ Hopkins ou Mississippi Fred McDowell.

Como todo Bluesman, era chegado à bebida e ao cigarro e à vida noturna, pois tocava em Clubs de Chicago, para onde se mudou em busca de melhores condições econômicas. Não correu bem: no espaço de um mês, o seu pai, irmão e tio foram assassinados (os temas "Hard Time Killing Floor" e "R.L.’s Story", no álbum "Wish I was in Heaven Sitting Down" testemunham essa história).

Em 1959, regressa ao Mississippi para trabalhar nas plantações de algodão e constituir família, casando-se com Alice Mae com quem teve 17 filhos e ao mesmo tempo que começava a tocar à noite e aos fins-de-semana nos bares da região.

As primeiras gravações datam de uma compilação de 1967. Apesar de preferir a guitarra eléctrica, a moda da época ditou que R. L. gravasse com guitarra acústica. As gravações dessa época granjearam-lhe reputação para tocar em festivais dentro e fora dos Estados Unidos. Ao longo dos anos 70 e 80, R. L. tocava numa banda "de família": a Sound Machine, constituída pelos seus filhos Joseph e Daniel, bem como pelo seu neto Calvin Jackson. Apesar da fama que gozavam na zona Norte do Mississippi, R. L. e a sua Sound Machine eram pouco conhecidos fora desse círculo.

Foi no início dos anos 90 que se verificaram grandes transformações, graças a um documentário gravado com base no livro de Robert Plamer "Deep Blues", em que R. L. era amplamente destacado.

A partir de 1999 sua saúde se tornou frágil, e quando, em 2001 teve um ataque do coração, foi aconselhado pelo seu médico a abandonar a bebida e o cigarro. Ficou evidente que ele não seguiu o conselho, vindo a falecer no dia 01 de setembro de 2005, aos 78 anos em um Hospital de Memphis, no Tennessee.

"HOBO BLUES" - R.L. BURNSIDE
Baixe Aqui!

When I first thought to
hobo
'in, hobo'in,
I took a freight train to be my friend, oh Lord
You know I hobo'd, hobo'd, hobo'd, hobo'd,
hobo'd a long, long way from home, oh Lord
Yes, my mother followed me that mornin', me that mornin'
She followed me down to the yard, oh yeah
She said my son he'd gone, he'd gone, he'd gone
Yes he's gone
in a, poorsome wear
*, oh yeah
Yes I left my dear old mother, dear old mother
I left my honor,
need
* a crime, oh Lord
Take care of my child,
take care, take care of my child


"Let My Baby Ride" - R.L. Burnside



por: JoKa Blues


Nenhum comentário:

Seguidores deste Blog